Lantana Bleu, de Nova York, passou anos trabalhando como acompanhante de luxo para homens muito ricos.

Lindas Garotas de Programa BH

Confissões de uma acompanhante de alta classe

Deixou de ser acompanhante para se casar, mas o relacionamento não durou.

Categorias:  

Uma ex acompanhante de luxo que já teve homens jogando enormes somas de dinheiro sobre ela em quartos de alguns dos melhores hotéis do mundo, transformou suas experiências em uma série de livros.

New Yorker Lantana Bleu, que prefere não revelar seu nome real, já teve seu luxuoso estilo de vida financiado por homens muito ricos e não podia nem pensar em abandonar essa vida.

Mas agora ela se aposentou da lucrativa carreira como acompanhante e decidiu escrever uma série de livros com base no seu passado selvagem.

acompanhantes
acompanhantes

A trilogia, que é parte autobiográfica e parte ficcional, segue a acompanhante Miss Melisse enquanto ela se movimenta pelo mundo das acompanhantes de luxo.

Lantana, que está na faixa dos 30 anos, diz que sente que foi destinada para a profissão de acompanhante.

Eu sempre fui fascinada pelo mundo das acompanhantes, é como se fosse um chamado.

Quando tinha 20 anos ela estava na universidade e tinha um trabalho temporário em um escritório, mas diz que odiava o mundo corporativo.

Depois de trabalhar brevemente como dançarina, ela decidiu que era hora de uma mudança na carreira.

Eu agi com meus instintos e comecei a trabalhar como garota de programa em Nova York.

acompanhantes

Ela começou a trabalhar em uma clínica luxuosa, e lembra: “eu trabalhava para uma senhora muito simpática e ela me ensinou muitas coisas”.

Depois que a clínica foi fechada, Lantana continuou atendendo no seu próprio apartamento, anunciando seus serviços em jornais locais, e começou sua carreira meteórica como acompanhante de luxo.

No começo eu tomava muito cuidado e sempre rastreava os homens antes de conhecê-los pessoalmente.

Eu ligava de volta para eles, as vezes no trabalho, para confirmar que eram quem diziam ser, e sempre marcava o primeiro encontro em um local público. Já cheguei até a contratar guarda costas.

Lantana insiste que apesar dos cuidados nunca teve uma má experiência e que se dedicava muito a sua nova carreira, recém descoberta, acrescentando: “Eu já gostava muito de sexo, então, eu apenas estava sendo paga para fazer o que amo”.

acompanhantes
acompanhantes

E enquanto algumas meninas podem achar estranha a idéia de dormir com homens de 50 anos, alguns dos clientes da Lantana estavam na faixa dos setenta anos, e ela diz que quase não tinha tempo livre.

“Eu me via como uma curadora ou uma entretener”, disse ela. “E curadores devem ser compensados, você está cuidando de alguém, assim como um massagista ou um médico fazem”.

Embora Lantana se recuse a contar os detalhes sobre quantos clientes ela atendeu, ou os valores que recebia, ela se lembra de ter recebido 35.870 euros em dinheiro, (mais ou menos 50.000 dólares) por apenas um dia com um de seus queridos e próximos clientes.

Eles me pagavam com muito dinheiro, e isso era muito melhor do que as lingeries caras, os dias de spa e os presentes.

Durante seus anos como acompanhante de luxo, Lantana viajou por todo o mundo, de Barbados a Cape Cod. “Era sempre uma aventura”, ela disse. “Minha vida foi preenchida com muitos diferentes personagens”.

No entanto, nem tudo era diversão. “Ser acompanhante é uma vida muito solitária”, disse Lantana. “É um pouco como uma freira que vai para um convento, você sabe que não vai ter um namorado por muito tempo. Você fica casada com o estilo de vida”.

Mesmo assim ela conseguiu manter uma relação com um homem, apesar de ele ser “meio casado” na época.

acompanhantes
acompanhantes
acompanhantes

“Foi amor à primeira vista”, disse ela. “Nós namoramos por dois anos e ele me visitava em Nova York a cada duas semanas. Fiz questão de não falar com ele sobre o que eu fazia, mas ele era muito mais velho do que eu e no final não deu certo”.

Outra cliente incrível era uma virgem de 60 anos que Lantana diz que quase foi morta em setembro de 2001 nos ataques ao World Trade Center.

“Ela desceu 64 andares depois que o avião tinha batido, e quando ela olhou para trás a torre estava desmoronando”, disse ela.

“Depois disso, ele decidiu aproveitar a vida. Ele me ligou algumas semanas mais tarde e nós fomos viajar por toda a Europa”.

Esse estilo de via é altamente viciante, você vive em um mundo de fantasia, é muito difícil ter um relacionamento sério e precisa ter a cabeça no lugar pra não ficar emocionalmente imatura.

Ela se aposentou, deixou de ser acompanhante a cerca de três anos atrás, depois de se apaixonar e se casar, mas quando olha para trás diz: “não tinha nada que me casar, mas estou feliz por ter tentado”.

O relacionamento se desfez e, desde então, Lantana tem focado em escrever sua trilogia contando os segredos picantes de uma sedutora acompanhante de luxo.

Ela diz que os personagens são baseados nas pessoas que ela conheceu enquanto era acompanhante acompanhante. Os livros são autobiográficos mas também tem um pouquinho de fixão. Ela acrescenta que alguns detalhes foram “muito escandalosos para incluir”.

“Espero que agrade a um público mais amplo”, disse ela. “Não apenas os homens com tesão”!

GAROTA BH, GAROTA LINDA

As acompanhantes mais lindas de Belo Horizonte estão aqui, você só precisa ligar e marcar um programa!

Sheila Massagista (31) 99817-3933

Danielle Carvalho (31) 99520-9103

Luara Dayrell (31) 99150-1880